Recomendações para Cuidado Farmacêutico ao Paciente Crítico com Covid-19. Artigo – AMIB.

Por AMIB - Departamento de Farmácia.

Origem Freepik

A pandemia pela COVID-19 surpreendeu todas as categorias da saúde com mudanças
necessárias e urgentes em seus processos de trabalho. Em todo o mundo, os farmacêuticos têm se engajado na manutenção dos estoques de medicamentos e demais produtos para a saúde, especialmente Equipamentos de Proteção Individual (EPI), saneantes e medicamentos incluídos nos protocolos de tratamento dos pacientes possivelmente infectados pelo SARSHcov-2, a fim de garantir o cuidado e a segurança desses pacientes e dos profissionais da saúde.

Nas Unidades de Terapia Intensiva (UTI), os farmacêuticos clínicos intensivistas têm
um papel fundamental no cuidado aos pacientes com COVID-19 uma vez que, em seu estágio mais grave, a doença provoca lesão tecidual capaz de desencadear falência orgânica emsucessivos sistemas fisiológicos. Essa condição pode ocasionar a utilização de inúmerosfármacos simultaneamente, muitos de alta vigilância, e consequentes interações e
incompatibilidades medicamentosas, além do risco de reações adversas e da necessidade de individualizar a posologia dos medicamentos com o objetivo de otimizar o tratamento
farmacológico.

Para orientar o uso efetivo e seguro de medicamentos nos pacientes críticos com
COVID-19, o suporte técnico à equipe multiprofissional, e a segurança dos farmacêuticos e da equipe da Farmácia hospitalar no cuidado desses pacientes enquanto durar a pandemia, o Departamento de Farmácia da AMIB traz algumas recomendações aos profissionais da Farmácia que atuam na UTI ou em sua interface.

Autores:

Alex Júnior Ferreira (SP)
Álisson Menezes Araújo Lima (CE)
Ana Carolina Alves Fabrini Magalhães (MG)
Erika Michelle do N. Facundes Barbosa (PE)
Gabriela Araújo de Abreu (CE)
Isabella do Vale de Souza (RJ)
Kamila Maria Maranhão Sidney (CE)
Lívia Maria Gonçalves Barbosa (SP)
Mayra Carvalho Ribeiro (SP)
Michelle Silva Nunes (RN)
Nathalia Lobão Barroso de Souza Silveira (DF)
Vanessa de Andrade Conceição (SP)

Membros do Departamento de Farmácia da Associação de Medicina Intensiva Brasileira – AMIB.
– Aline Palma Santos (DF)
– Daiandy da Silva (RS)
– Jaqueline Pilon de Meneses (SP)
– José Martins de Alcântara Neto (CE)
– Michelle Silva Nunes (RN)

Veja aqui o artigo completo: https://www.amib.org.br/fileadmin/user_upload/amib/2020/maio/11/RECOMENDACOES_PARA_O_CUIDADO_FARMACEUTICO.pdf

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, digite seu comentário.
Por favor, digite seu nome aqui